quinta-feira, 27 de agosto de 2009

II SUPER MARATONA DE NOVA FRIBURGO-RJ - 50km EU CONSEGUI!!!

SUBIR A SERRA DE TERESÓPOLIS A NOVA FRIBURGO - 50km
EU CONSEGUI!!!

A RECOMPENSA: MEU LINDO TROFÉU

SOMOS VENCEDORES.....rsrs

"A terceira edição da SUPER MARATONA DE NOVA FRIBURGO-RJ, atraiu a
atenção de Corredores de 11 estados do Brasil, o que deu à prova um status de
nível nacional. Alguns atletas estavam estreando na prova, enquanto outros já
estavam participando pela terceira vez em busca de um melhor tempo. O clima
de conflaternização e alegria começou já sábado, durante a entrega dos kits e continuou
durante o Jantar de Massas. Na manhã do domingo a festa foi grande e brincando
e cantando, numa descontração total os atletas partiram para o desafio".

Texto extraído do site do evento.



GENTE, EU CONSEGUI!!!!!!!!
EU DETONEI OS 50km DAS SERRAS FLUMINENSES.

DE TERESÓPOLIS A NOVA FRIBURGO, SOFRIMENTO FELIZ!! rs


Lá de cima, bem no ponto mais alto da serra, km 20 dos 50 que me propus a trilhar,
pensei em DEUS, na minha família, nos meus amigos, no meu marido que me esperava
na chegada e ignorei as dores das mãos quase congeladas e o sangue que teimava em
não retornar. Sabia que seria passageiro mesmo tendo noção do risco que corria. Por
isso mesmo não comuniquei nada à equipe médica, apenas orei e pedi a um moço muito
bacana que fazia parte do staf do evento que me conseguisse umas luvas ou estaria
perdendo minhas mãos. Não teve as luvas mas um pedaço de jornalzinho básico resolveu
a questão...rs Voltei a correr e neste ponto da serra teve uma providencial descida que
ajudou a circular o sangue nas veias da sua atleta preferida...rsrsrs Caramba, não tenho
palavras pra descrever aquilo lá não. Qualquer coisa de sobrehumano. Foram 20km de
subida nas serras geladas logo na largada. Durante o percurso me limitei a correr ao
tempo em que viajava na beleza da paisagem do local. Nos primeiros kms sempre
estava acompanhada mas a partir do km 15, cada um tomou seu rumo, uns se
adiantaram outros ficaram pra trás, muitos desistiam e a viagem foi quase toda de
forma solitária. Ouvia perfeitamente a batida dos pés no asfalto principalmente nas
descidas quando sempre tentava imprimir um ritmo mais rápido. No km 25, tive
medo de fazer companhia àqueles colegas que ficavam pelo caminho sendo recolhidos
pelos ônibus de apoio. Meu joelho esquerdo deu sinal de vida pela primeira vez desde
que me entendo por gente. Depois foi o direito, depois os quadris, depois a lombar
muito sobrecarregada nas descidas, depois os ombros doeram muito pela posição do
corpo nas subidas e depois o corpo inteiro. Mais uns kms e anestesiou tudo...rsrs...aí
ficou bacana porque fui na banguela e não sentia mais nada...rs Só muito frio mas um
frio tão grande que parecia estar congelando a gente. Vez por outra uma garoa
muito forte molhava inteiro nosso corpo e as pesadas roupas que usamos para correr.
Nos pontos onde encontrava alguma descida, aproveitava pra recuperar o fôlego
mas logo avistava outra serra e mais outra e outra mais e aquele sobe e desce (mais
sobe do que desce, muito mais mesmo) parecia não ter fim.
Chega o km 30 e com
ele uma serra acima de 6 íngremes km. Nossa, que sofrimento gostoso! Eu estava
conseguindo chegar ao km 36....... LEGAL!!!!
Lá tinha café quentinho, doces e frutas. O pessoal do apoio providenciou tudo com
muito cuidado e os carros e motos passavam por nós a cada minuto procurando saber
se estava tudo bem. Infelizmente os médicos tiveram muito trabalho. Muitos atletas
passaram mal. Daí em diante, segundo a altimetria da prova, teríamos só descidas.
Q LEGAL!!!!! Seria ótimo se fosse verdade...rs Após uns 2km de descida lá se vem nova serra.

Entre troncos e barrancos, cheguei á marca da MARATONA
(42km) com 6h cravadas. Achei ótima marca. Faltavam apenas 8 km, estava quase lá.
Observo as pessoas dos lugarejos que passava, as casas em estilo suiço, tudo muito
lindo e diferente daqui. Passo por mais dois colegas que estavam à beira do caminho
aguardando a ambulância que com certeza não tardaria. Eles foram eficientes demais.
Chego ao km 46 e uma buzina que toca me faz muito feliz. AUGUSTO, o organizador
da prova veio de carro dar uma olhada no pessoal e eis que dentro do carro estava
CLÓVIS pra me dar uma força pertinho da chegada. Quis parar pra acenar mas ouvi
ele gritar: "VAI AMOR, ESTÁ PERTINHO, NÃO PÁRA!!!".
Eles retornaram ao local da chegada e isto foi o suficiente para me mandar, encontrar
forças sei lá onde e cruzar minha linha de chegada da forma que quem me conhece já
sabe e quem não conhece poderá ter uma amostra nas fotos que seguem.

OBRIGADA DEUS, família, amigos, colegas de trabalho, da Academia, do Orkut e
todos que torcem por mim. Tenho certeza de que a corrente que pedi foi feita ou
eu sozinha não daria conta de detonar esta prova MONSTRA...rs Foi o desafio mais
difícil que já encarei e olha que já corri sem parar durante 48h. Despindo-me de
toda e qualquer modéstia, faço minhas as palavras do meu filho TIAGO:

"MINHA MÃE É RETADA MESMO"......rsrsrs Nem eu acreditei no que fiz.


Só de uma coisa quero notícia:
Quando abrem as inscrições para a eedição de 2010????


E por falar nisso, quero render meus agradecimentos e homenagens à organização
desta SUPER MARATONA DE NOVA FRIBURGO. Desde o kit maravilhoso com uma
linda camiseta, os troféus, a atenção que nos foi proporcionada antes, durante e após
a prova, tudo perfeito. As pessoas que nos deram apoio no percurso, os organizadores,
auxiliares, a equipe médica que a todo instante nos cercava de cuidados foram todos
de atitudes irretocáveis. Tivemos água, hidratação, frutas, café quentinho na hora
que mais precisamos todo apoio para nos sentirmos seguros mesmo nas horas mais
difíceis. Na chegada, além do troféu, recebemos outra camisa bacana com a frase:
EU COMPLETEI.
A minha pedi GG e dei de presente pro meu marido.
ELE COMPLETOU...rsrs
Gostaria que todas as provas fossemos tão valorizados como fomos pelo pessoal de
NOVA FRIBURGO. Valeu AUGUSTO e sua eficiente equipe!!! Vcs são DEZZZ!!!!


Abaixo, alguns momentos marcantes.

É só clicar na foto para ver em tamanho normal.
No orkut tem 98 fotos.


Com as ULTRAS amigas CLÁUDIA e MAGDA



É ASSIM QUE CHEGA UMA ULTRA DE RESPONSA....rsrsrs



NEM EU ACREDITEI!



ACABOU????? QUE PENINHA!!!



PASSA LOGO MEU TROFÉU PRA CÁ, VAI.....



MEU KIT LINDO!!!!



Peço que vcs cliquem nesta foto para que possam ler esta reportagem. Comprei a revista no
Aeroporto do RIO pra ler durante o vôo de volta a SALVADOR e me deparei com este texto.
Agora mesmo é que fiquei chata...rsrsrs




Hoje ganhei um presentaço: meu marido comprou as nossas passagens para
a MARATONA DE CURITIBA em Nov-09..... Tenho que me virar nos 30...




Sábado (29.08) CORRIDA DOS BANCÁRIOS em Salvador - 7km
Domingo (30.08) MEIA MARATONA DE REVEZAMENTO ECORUN
Etapa SALVADOR. Correrei em dupla, 10km.


A todos os meus queridos amigos e eventuais visitantes, SUPER ABRAÇOS!!!
Voltem sempre e deixem seus coments e sugestões.

Antes de sairem acessem este site. Estou lá.

ULTRA Sandrinha
Sua Atleta Preferida

2 comentários:

Jorge disse...

Sandrinha, bom dia querida amiga, já lhe parabenizei por email e pelo orkut, agora faço por aqui, vc simplesmente arrasou menina é isso ae gostei do vibrante relato e de sua superação nesta corrida...Caramba quer dizer que vc vai correr num local de frio e não leva a luva e cobre as mãos com jornal eita ainda bem que o jornal lhe salvou...É isso ae menina showww. Realmente correr em Friburgo não tem preço não é mesmo, eita lugar maravilhoso e desafiante para se correr...Só é uma pena que vc não vai vir correr a Ultra de 24 horas dos Fuzileiros em Novembro,pois eu já estou inscrito...Ahhh vai correr a Maratona de Curitiba então quer dizer que vai encontrar também com a sua amiga Ultra Elisete...
Parabéns mais uma vez, que este espírito das corridas perpetue sempre dentro de vc...Troféu lindo viu...

Que Deus te abençoe e te ilumine um forte abraço e bom final de semana.

Jorge Cerqueira
www.jmaratona.blogspot.com

Vade disse...

D. Sandrinha é retada mesmo! Eu também li a reportagem da revista! Obrigado por representar nosso estado neste evento. Realmente os fracos não têm vez! Tem que ter muita coragem para enfrentar o desafio. Mas graças a Deus que conseguiu. Parabéns!